Nha Caminhe #7

Nha Caminhe na Ribeira Brava

Sugestões de quatro percursos com partida do epicentro do Carnaval Sanicolaense: a bela Vila da Ribeira Brava.

 

 

SNP3 | Vila da Ribeira Brava – Fajã – Cachaço

 

O percurso SNP3 tem início no terreiro da Vila da Ribeira Brava. Passa junto à Câmara Municipal e a partir desse momento leva-nos por uma longa subida até à zona de Talho. Ao alcançar o topo da subida, vislumbramos o vale de Queimadas.

Mais abaixo, paira no ar um intenso aroma a fruta e a caramelo. Este cheiro tão atractivo é resultado da produção local de grogue. Mais à frente, já no Vale da Fajã, encontramos os terrenos mais férteis da ilha! Ou não fosse este o local de eleição para a agricultura em São Nicolau. Após uma subida até Lompelado e daí até Cachaço, chegamos finalmente ao nosso destino: o Santuário de Nossa Senhora do Sameiro do Monte Cintinha.

 

Principais pontos de interesse: Seminário; Queimadas; Vale de Fajã e Santuário de Monte Cintinha.

Ficha de percurso, aqui.

 

 

SNC1 | Vila – Caramujo – Queimadas – Vila

 

Com ponto de partida do terreiro de Ribeira Brava, subimos até Caramujo – o ponto mais alto do trilho. Caramujo foi densamente povoado, mas actualmente é apenas um conjunto de ruínas. Recebe muitas visitas no período das festas do Espírito Santo. Segue-se uma longa descida até Carvoeiros, onde uma fabulosa paisagem sobre o mar nos refresca os sentidos. Daqui seguimos até Queimadas, onde entramos no Percurso Principal (SNP3) que nos conduz de regresso até à Vila da Ribeira Brava.

Principais pontos de interesse: Igreja de Nossa Senhora do Rosário; Vale da Ribeira Brava; Monte Caramujo; Carvoeiros e Queimadas.

Ficha de percurso, aqui.

 

 

SNC3 | Vila da Ribeira Brava – Cachaço

 

Este percurso linear inicia-se na Vila da Ribeira Brava e segue o caminho de peregrinação na direcção do Santuário de Nossa Senhora do Sameiro do Monte Cintinha. Enquanto caminhamos é possível presenciar o estilo de vida da população que vive e trabalha no Vale da Vila de Ribeira Brava. Para além disso, podemos contemplar uma vista deslumbrante sobre todo o vale, de coloração variável de acordo com a época do ano. O percurso termina em Cachaço, onde há ligação com o Percurso Principal (SNP3).

Principais pontos de interesse: Igreja de Nossa Senhora do Rosário; Seminário; Vale da Ribeira Brava; Trapiche Tradicional e Santuário de Monte Cintinha.

Ficha de percurso, aqui. 

 

 

SNL2 | Vila da Ribeira Brava – Caleijão

 

Este setor inicia-se no terreiro da Vila da Ribeira Brava e segue ao longo da Rua Direita, passando pela Câmara Municipal para depois virar junto ao Coreto, abandonando o Percurso Principal e seguindo na direção do antigo Seminário. Por entre muralhas de diques vulcânicos, vamos entrando numa ribeira que é um autêntico oásis e aí inicia-se uma subida até ao primeiro miradouro.

Chegando ao topo da subida é possível observar todo o Vale da Ribeira Brava, desde o mar até ao Monte Cintinha, e ao mesmo tempo todo o planalto de Caleijão, avistando o Aeródromo de Preguiça e o mar no lado sul da ilha. O percurso faz-se por uma longa calçada até Caleijão. Chegando à estrada principal existe a opção de visitar o antigo Orfanato ou seguir até ao local onde este percurso deriva entre a direcção do Tarrafal (SNL2a) ou de Preguiça (SNL2b).

Principais pontos de interesse: Terreiro da Vila da Ribeira Brava; Igreja de Nossa Senhora do Rosário; Centro histórico da Vila; Seminário e Orfanato.

Ficha de percurso, aqui.

 

  Partilhar


pt_PTPT